_NOSCRIPT

Portal do Governo Brasileiro
canal-ciencia

Busca Avançada

Notáveis

Oscar Sala

Oscar Sala

O físico Oscar Sala trabalhou em pesquisas no campo dos raios cósmicos, obtendo a primeira medida do coeficiente de absorção das radiações cósmicas geradoras dos chuveiros penetrantes - estudo relativo à energia atômica. Desenvolveu o projeto do acelerador eletrostático encomendado pela USP, do tipo Van der Graaf, o primeiro a utilizar feixes pulsados para estudos sobre reações nucleares com nêutrons rápidos. Mais tarde, desenvolveu novo tipo de voltímetro diferencial para altas tensões. Todos estes estudos são utilizados na física nuclear. Oscar Sala também participou da construção de transmissores de rádio portáteis para o exército, durante a Segunda Guerra, trabalhando no Departamento de Física da USP. Outro trabalho de destaque do físico foi a inovação da técnica para utilização dos osciloscópios eletrônicos em medições de vidas médias dos nuclídeos isômeros - o que facilitou os estudos relacionados à físico-química. Foi responsável pelo Acelerador Pelletron no Instituto de Física da USP. Nasceu em 26 de março de 1922, em Milão, Itália. Veio cedo para o Brasil, onde obteve a nacionalidade brasileira. Participou do Grupo Científico Internacional de Trabalho sobre Dados Nucleares, organizado pela Agência Internacional de Energia Atômica, em Varsóvia e Tóquio. Integrou o grupo de trabalho Brasil-Estados Unidos, organizado pela National Academy of Sciences e pelo CNPq. Foi diretor-científico da FAPESP, presidiu a Sociedade Brasileira de Física, a SBPC, a Associação Interciência das Américas e outras entidades.